quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Concursos Literários do Mês de Novembro de 2014




Concursos Literários do Mês de Novembro de 2014 

Confira também a lista completa dos Concursos do Ano e a lista das Seleções Permanentes.

As datas nos tópicos referem-se ao prazo limite para realizar a inscrição.

Legenda:
$ - Prêmio em dinheiro
@ - Inscrição pela internet
# - Voltado a público restrito


Lista dos concursos em aberto - Novembro


- 03.11.2014 - 3º Desafio Literário - Revista Pacheco (@)

- 05.11.2014 - Prêmio Literário Universitário de Macaé (Rio de Janeiro) (#)

- 06.11.2014 - 31º Concurso de Poesia "Nhô Bento" (Cone Leste Paulista) (#)

- 07.11.2014 - Concursos Literários da APPACDM de Setúbal (Portugal)

- 10.11.2014 - e-Antologia "Verão Caliente" (@)

- 18.11.2014 - Concurso de Contos de Niterói - José Cândido de Carvalho

- 23.11.2014 - IV Premio Internacional de Microrrelatos "Museo de la Palabra" (Contos Curtos - @ - $)

- 30.11.2014 - e-Antologia "Paixões Clandestinas: Outras Paixões"(@)

- 30.11.2014 - Prêmio Radiotelegrafista Amaro Pereira (@)

- 30.11.2014 - Prémio Literário Correntes d´Escritas ($)

- 30.11.2014 - Concurso Lamparina Publica (Livros Inéditos - @)

- 30.11.2014 - XVI Concurso Nacional de Contos - Prêmio Jorge Andrade ($)

- 30.11.2014 - Prêmios Literários do SESC-DF (Contos, Infantis, Crônicas e Poesias - $)

    quarta-feira, 29 de outubro de 2014

    Eu mistério



    Eu mistério
    em ti segredo
    tua couraça
    contra fogo
    e gelo

    Eu sibilo
    em ti uivo
    tua palavra
    entre nada
    e tudo

    Eu absurdo
    em ti correto
    tua firmeza
    sobre verso
    e anverso

    Eu olhar
    em ti lobo
    tua fortuna
    do antigo
    e novo


    Joakim Antonio


    Imagem: Wolf by The-lazy-artist

    segunda-feira, 27 de outubro de 2014

    Escrevendo paz - Descortinando Leon Tolstoi (escritor)


    Somos formados de pedaços belos e feios, doces e amargos, convivendo entre si. Não só podemos, como devemos escrever sobre tudo, verdades, absurdos, sobre nada. Mas não há razão verdadeira para que mesmo que só escrevamos, armas, não possamos fazê-las disparar tiros de paz. Podemos até sentir complicada tristeza, mas o mesmo que sente sabe o que deseja, para mudar.

    Experimente, mesmo que por economia, deixar de escrever por um momento, guerra; para escrever simplesmente, PAZ!

    Joakim Antonio



    "Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a sí mesmo." Leon Tolstoi - Pamphlets - translated from the Russian - página 71, Free Age Press, 1900




    Leon Nikolaievitch Tolstoi (9 de setembro de 1828 - 20 de novembro de 1910). Foi um novelista, anarcopacifista e pensador moral, notável por suas idéias de resistência através da não violência. É considerado um dos maiores escritores de todos os tempos.

    Além de sua fama como escritor, Tolstoi ficou famoso por tornar-se, na velhice, um pacifista, cujos textos e ideias batiam de frente com as igrejas e governos, pregando uma vida simples e em proximidade à natureza.

    Junto a Fiódor Dostoiévski, Gorki e Tchecov, Tolstói foi um dos grandes mestres da literatura russa do século XIX. Suas obras mais famosas são Guerra e Paz, sobre as campanhas de Napoleão na Rússia, e Anna Karenina, onde denuncia o ambiente hipócrita da época e realiza um dos retratos femininos mais profundos e sugestivos da Literatura.

    Morreu aos 82 anos, de pneumonia, durante uma fuga de sua casa, buscando viver uma vida simples.

    Pacifismo

    Tolstoi ficou famoso por ser um pacifista. Nas palavras de Mahatma Gandhi, com quem Tolstói trocou correspondência, o escritor foi o maior "apóstolo da não-violência". No livro "O Reino de Deus está em vós", Tolstoi baseia-se no Sermão da Montanha para afirmar que não se deve resistir ao mal utilizando-se do próprio mal.

    No mesmo livro, continuando seu raciocínio pacifista, o escritor afirma ser contrário ao serviço militar obrigatório (e ao militarismo como um todo). Ele também defende e exalta povos como os Quakers, que buscam a simplicidade, a autonomia e não utilizam de violência. Fonte: Wikipédia


    Para saber mais:


    Tolstoi e a anti-pedagogia (uma proposta de educação libertária) em http://www.revistas.usp.br/

    Grandes entrevistas - Leon Tolstoi em Tiro de letra


    Baixar livros gratuitamente no site Universia:

    Anna Karenina

    Guerra e Paz 

    Ressurreição




    quinta-feira, 23 de outubro de 2014

    Caboclos



    Acordo com sede
    de saberes antigos
    mas cadê meu povo
    suas danças e risos

    Olho tudo em volta
    eles não mais estão
    leio em suas pegadas
    que saíram sem direção

    Sinto a presença
    de um sábio índio
    ele traça uma seta
    apontando o destino

    Sou um Pedra Preta
    ele diz chorando
    Agora somos um
    diz me abraçando

    Sumo desta terra
    por alguns momentos
    vejo todo meu povo
    como seus tormentos

    Quando abro os olhos
    ponho-me a chorar
    a pedra ficou comigo
    e ele do lado de lá


    Joakim Antonio



    Imagem: People by Sasje by DAZ-3D

    quarta-feira, 22 de outubro de 2014

    Paz



    Acendo um incenso
    relembro ancestrais
    ascendo caminhos
    repletos de paz

    Acendendo um incenso
    aos novos amigos
    ascendo esferas
    há pouco invisíveis

    Acendo um incenso
    e sopro a fumaça
    ascendo a alma
    além da casa

    Acendo um incenso
    ao meu ofício
    ascendo ao verbo
    então poetizo

    Joakim Antonio

    terça-feira, 21 de outubro de 2014

    Tempo estranho - Coluna Palavra Expressa - Retratos da Alma



    Tempo estranho, coluna Palavra Expressa no site Retratos da Alma 

    "(...) É inevitável pensar que ainda nem fizeram 24 horas e você só se lembra da demora, dos minutos que faltam no relógio lógico, pois, no biológico, eles sobram. Sobram tanto, que você tem tempo para tudo, preenchendo os buracos… até poder ver quem – de certa forma – supre o vazio em você  (...)


    Clique abaixo para ler o texto completo



    Imagens:

    1Love by Hannahribbit

    2Always write by pink-kangaroo






    terça-feira, 7 de outubro de 2014

    Pai Sol - Coluna Palavra Expressa - Retratos da Alma



    Pai Sol, coluna Palavra Expressa no site Retratos da Alma 

    "(...) Mas a maior dádiva foi termos ganhado um abraço de pai, daqueles bem grandes, que vão além. Presente por toda casa, no prato principal, na fruta escolhida a dedo, no momento certo de sair e dar uma volta. Sempre deixando quem precisava conversar dentro do grupo correto, calma para os agitados, andanças para os mais elétricos e sorriso… muitos sorrisos  (...)


    Clique abaixo para ler o texto completo




    Imagens:

    1. Father and son by Vanillaperal


    2Always write by pink-kangaroo





    quinta-feira, 2 de outubro de 2014

    Guardiã - Coluna Palavra Expressa - Retratos da Alma



    Guardiã, coluna Palavra Expressa no site Retratos da Alma 

    "(...) Ao abrir os olhos, cada um contou suas percepções, mas a mais intrigante que notamos foi que a árvore formava um imensa estrela, espalhando-se pela floresta, abraçando e protegendo tudo ao seu redor. Todos se olharam e foram impelidos a dar um grande abraço, cada um sentindo-se também, naquele momento, uma grande mãe (...)


    Clique abaixo para ler o texto completo




    Imagens:

    1The_Hidden_Guardian_by_La_Vita_a_Bella


    2Always write by pink-kangaroo




    LinkWithin

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...